Cisto Sinovial Volar Particularidades: Os que aparecem na palma da mão e punho

Postado em: 05/06/2024

Como cirurgião especializado em condições da mão, trato frequentemente do Cisto Sinovial volar: um tipo de formação benigna que pode impactar na funcionalidade manual. 

Neste artigo, vou explicar o que são cistos sinoviais volares, como eles são diagnosticados e as opções de tratamento disponíveis. Espero que tenha uma boa leitura!

O que é um cisto sinovial volar?

Um cisto sinovial volar é uma protuberância cheia de líquido que se desenvolve na palma da mão ou no punho. Este líquido, chamado líquido sinovial, é o mesmo que lubrifica nossas articulações e tendões. 

Embora a causa exata desses cistos não seja totalmente conhecida, eles podem ser associados a trauma, inflamação crônica ou desgaste das articulações.

Os cistos sinoviais volares são palpáveis sob a pele e podem variar em tamanho. Uma característica diferencial em relação a outros tipos de cisto é que ele pode aparecer e desaparecer.

Enquanto alguns são pequenos e não causam desconforto, outros podem crescer e provocar dor, inchaço ou limitar os movimentos da mão, afetando atividades diárias e a qualidade de vida.

Diagnóstico de cisto sinovial volar

O diagnóstico inicial de um cisto sinovial volar geralmente é feito por meio de exame físico, onde avalio a consistência, localização e mobilidade do cisto. 

Para confirmar o diagnóstico e descartar outras condições, podem ser necessários exames de imagem como ultrassonografia ou ressonância magnética, que oferecem uma visão detalhada da estrutura do cisto e sua relação com as estruturas adjacentes.

Tratamentos comuns para cisto sinovial volar

O tratamento para cistos sinoviais volares varia de acordo com a severidade dos sintomas e o impacto na funcionalidade da mão. Aqui estão as opções mais comuns:

  • Observação e repouso: Muitos cistos sinoviais são monitorados ao longo do tempo, especialmente se são pequenos e não causam dor. Repousar a mão pode ajudar a reduzir a inflamação e o tamanho do cisto.
  • Aspiração do líquido sinovial: Esta técnica envolve a retirada do líquido do cisto com uma agulha. Embora possa proporcionar alívio temporário, existe a possibilidade de recorrência do cisto.
  • Injeção de medicamentos: Injeções de corticosteroides podem ser utilizadas para reduzir a inflamação e aliviar a dor. Este tratamento é eficaz em casos onde a inflamação é uma causa significativa dos sintomas.
  • Imobilização: Usar talas ou órteses pode ajudar a descansar a articulação e reduzir a pressão sobre o cisto, facilitando a redução do seu tamanho.
  • Cirurgia: Em casos onde o cisto causa dor significativa ou limita a mobilidade, e outras abordagens de tratamento não foram eficazes, a cirurgia para remover o cisto pode ser a melhor opção. A cirurgia envolve a remoção do cisto e, em alguns casos, parte da cápsula articular adjacente para prevenir a recorrência.
  • Fisioterapia: Após o tratamento, seja ele cirúrgico ou conservador, a fisioterapia pode ser necessária para restaurar a amplitude de movimento e fortalecer os músculos ao redor da articulação, garantindo uma recuperação completa.

Cuidados adicionais e prevenção

Existem medidas que podem ajudar na prevenção da recorrência dos cistos sinoviais e na manutenção da saúde das mãos:

  • Ergonomia no trabalho e em casa: Modificar seu ambiente de trabalho ou doméstico para reduzir a tensão repetitiva nas mãos e nos pulsos pode ajudar a prevenir a formação de cistos sinoviais. Isso pode incluir ajustar a altura da cadeira e da mesa, usar teclados e mouses ergonômicos e fazer pausas regulares para esticar as mãos e os pulsos.
  • Exercícios regulares: Manter as mãos e os pulsos fortes e flexíveis pode ajudar a prevenir problemas futuros. Exercícios simples de alongamento e fortalecimento podem ser incorporados à sua rotina diária.
  • Acompanhamento regular: Mesmo após o tratamento, seja conservador ou cirúrgico, é importante continuar com acompanhamentos regulares. Isso permite que monitoremos qualquer mudança no seu estado que possa indicar a recorrência do cisto ou o surgimento de novos sintomas.

Com o tratamento adequado, os pacientes com “Cisto Sinovial” conseguem retomar suas atividades normais sem dor. Não deixe de buscar ajuda médica!

Espero que o conteúdo tenha ajudado. Para agendar uma consulta e conversarmos melhor sobre o seu caso, entre em contato pelo WhatsApp!

Dr. Diego Falcochio
Especialista em Cirurgia de Mão e Microcirurgia 
CRM 122897 | RQE TEOT 11.487

Leia também:

Este post foi útil?

Clique nas estrelas

Média / 5. Votos

Seja o primeiro a avaliar este post.